Quais são os benefícios da corrida para a saúde?

Quais são os benefícios da corrida para a saúde?
Publicado em: Bem-estar

Correr é uma das melhores atividades físicas, afinal, os benefícios da corrida são muitos e envolvem tanto a saúde física quanto a mental. É um exercício simples que não custa nada, porque pode ser praticado em diversos lugares.

Tem gente que prefere correr na esteira da academia, mas também dá para se exercitar na rua ou em parques. A prática regular dessa atividade protege o organismo de uma forma completa, além de trazer bem-estar.

O professor de Educação Física, triatleta e consultor esportivo da T4 Sports, Tobias Teixeira Silva, ajudou a criarmos este artigo para mostrar alguns benefícios que a corrida oferece. Continue lendo e descubra por que essa é uma excelente alternativa para se manter saudável!

Tipos de exercícios de corrida

Você sabia que existem diferentes tipos de exercícios de corrida, cada um com um objetivo e uma intensidade específicos? Confira a seguir sobre alguns deles!

Corrida contínua

A corrida contínua é o tipo mais básico e comum de exercício de corrida. Consiste em correr por um tempo determinado, sem interrupções, em uma velocidade constante e moderada. Ela é ideal para iniciantes, pois ajuda a desenvolver a resistência aeróbica, ou seja, a capacidade do corpo de utilizar o oxigênio para gerar energia.

Corrida intervalada

A corrida intervalada é um tipo de exercício de corrida que alterna períodos de alta intensidade com períodos de recuperação. Por exemplo, você pode correr por um minuto em um ritmo forte, seguido de um minuto de caminhada ou trote leve, e repetir esse ciclo várias vezes. Ela é indicada para quem quer melhorar a velocidade, a potência e a capacidade anaeróbica, ou seja, a capacidade do corpo de gerar energia sem o uso do oxigênio.

Corrida progressiva

A progressiva é um tipo de exercício de corrida que consiste em aumentar gradativamente a velocidade ao longo do percurso. Por exemplo, você pode começar a correr em um ritmo leve, e ir acelerando a cada quilômetro, até chegar ao seu limite. É perfeita para quem quer melhorar o ritmo, a resistência e a confiança na corrida.

Benefícios da corrida para o corpo

Os benefícios da corrida impactam o corpo de uma forma completa. Isso acontece porque essa atividade ativa o metabolismo, a química orgânica e o sistema musculoesquelético. Assim, trabalha todo o conjunto, fazendo com que ele funcione em equilíbrio.

Veja a seguir alguns benefícios desse exercício, confira de que forma ele trabalha o corpo e como isso ajuda a prevenir problemas de saúde.

Auxilia no emagrecimento

Tobias começa trazendo uma excelente notícia para quem quer perder alguns quilinhos. “A corrida tem um gasto calórico bem considerável, é uma das atividades com maior gasto calórico, então, se o intuito for emagrecer, ela é eficaz para isso e em curto prazo”.

A perda de peso acontece porque nosso corpo precisa de muita energia para correr. Há uma exigência da musculatura, o coração precisa trabalhar mais e todos os processos que acontecem envolvem gasto energético. É isso que leva ao emagrecimento.

O organismo vai buscar nas reservas naturais, ou seja, na gordura acumulada, essa fonte de energia extra. Então, começa a queimar calorias e, consequentemente, reduzimos o volume corporal.

Reduz o estresse

Nosso corpo produz naturalmente o cortisol, hormônio que nos ajuda a enfrentar as situações estressantes do dia a dia. Ele adapta o organismo a essas condições, por isso, é uma substância muito importante.

Porém, quando o nível de estresse é muito alto, há uma liberação excessiva de cortisol, o que traz prejuízos para a saúde, como a insônia, ganho de peso, dor de cabeça e hipertensão. Um dos benefícios da corrida é controlar o estresse e a produção de cortisol.

Além dessa função química, Tobias lembra o fato de mudarmos um pouco o nosso cenário enquanto corremos. “A questão de correr ao ar livre possibilita se entreter com o meio ambiente, desvincular da rotina de trabalho e problemas familiares”.

Combate a depressão e ansiedade

É claro que nosso organismo não produz apenas substâncias relacionadas ao estresse. Ele também libera aquelas que estão relacionadas ao bem-estar e ao prazer, como a serotonina e a endorfina. Quando nos exercitamos, esses neurotransmissores são liberados.

“Todo exercício aeróbio, como natação, andar de bicicleta e a corrida, tem essa característica de fazer a gente liberar a endorfina. Assim, causa sensação de bem-estar logo após você fazer o exercício. É uma sensação de relaxamento muito agradável”.

Por causa dessa reação do organismo, um dos benefícios da corrida é combater a ansiedade e também a depressão. Afinal, essas duas condições estão relacionadas com os desequilíbrios químicos do cérebro.

Melhora o condicionamento físico

Quando levamos uma vida sedentária, o organismo se acostuma a trabalhar em um ritmo mais lento. Então, quando é necessário fazer um esforço maior, sentimos dificuldade para isso porque nos falta condicionamento.

Correr é uma forma de sair do sedentarismo e fazer o corpo responder melhor quando uma atividade exige esforço. “A corrida vai melhorar muito a capacidade física da pessoa, melhorando também a condição cardíaca e a capacidade respiratória”, explica Tobias.

Ativa a circulação sanguínea

Explicamos que, ao correr, o organismo precisa de energia, certo? Ele tem que trabalhar mais rápido, então, nossos órgãos, músculos e outros tecidos solicitam mais oxigênio. É por isso que o coração bate mais rápido e a respiração acelera. Há também um efeito de dilatação dos vasos sanguíneos para permitir a passagem do sangue.

Isso é necessário porque é ele quem vai levar o oxigênio e os nutrientes para as células. Assim, a corrida ativa a circulação sanguínea. Tobias conta que, consequentemente, isso leva a outros benefícios, como a redução da pressão arterial.

Protege o coração

Sabia que o coração é um músculo? Por isso, ele também precisa se exercitar, e a corrida é uma forma de fazer com que fique mais forte e eficiente. Afinal, explicamos que ele vai precisar trabalhar mais, o que melhora sua performance.

Segundo Tobias, a corrida “causa um desgaste menor do coração no dia a dia, porque ele vai precisar trabalhar menos”. Como está acostumado a um esforço maior para correr, nas atividades rotineiras o músculo cardíaco não sente dificuldades para bombear o sangue.

Além disso, há o efeito de dilatação dos vasos sanguíneos, que permite a fluidez da circulação. “Geralmente, a pessoa bem condicionada tem um coração que bate menos em repouso porque é mais eficiente”, ressalta o especialista.

Cuidados necessários para correr

Dissemos que começar a correr não custa nada, pois você só precisa colocar o tênis no pé e ir para a rua ou usar a esteira. Ao mesmo tempo em que esse é um aspecto positivo, pode ter um efeito nocivo se não soubermos como conduzir a prática adequadamente.

Tobias alerta que “a corrida é muito agradável, pode ser divertida e tem resultado, mas, por outro lado, é uma prática que tem impacto. Então, a gente tem que tomar cuidados muito importantes”. Um desses cuidados é o acompanhamento profissional.

Intensidade e condições ideias

Cada pessoa tem um condicionamento físico diferente. Algumas nunca correram, outras têm condições específicas, como hipertensão e problemas cardíacos. Há também aquelas que são totalmente sedentárias, portanto, é fundamental o suporte de um especialista para que a atividade seja adequada à realidade de cada um.

“Como profissionais, fazemos a periodização, que é a elaboração da prática esportiva. Eu vou identificar o nível de aptidão física da pessoa e, com isso, mensurar as atividades de corrida que podem ser prescritas para ela”, explica o professor.

Ele ainda conta que o acompanhamento ajuda a evitar lesões, porque a musculatura, os ossos e as articulações precisam se adaptar ao exercício. “Você correu um dia, causou impacto, o corpo achou aquilo estranho, se você insistir em 3 ou 4 dias seguidos, pode ter lesão em médio prazo, como tendinite ou fratura por estresse, que são comuns em iniciantes”.

Hidratação sempre

Além do educador físico, o nutricionista é um profissional importante para você aproveitar todos os benefícios da corrida. Considere que haverá uma perda de líquidos, sendo necessário repor na medida certa. Ainda, é fundamental cuidar da alimentação antes e depois do treino.

Pista e tênis adequado

O profissional ajuda, também, a definir quais tipos de tênis devem ser usados, porque alguns fatores, como o peso corporal, influenciam na escolha. “Como todo equipamento, também vale consultar um profissional para sugerir o calçado ideal, assim não começa errando e com mais risco de lesão”.

Cuidado com o corpo

A grande vantagem é que, atualmente, esse acompanhamento pode ser feito online, por meio de aplicativos e planilhas de treino, recebendo a instrução do profissional e tendo suporte na evolução alcançada para adequar constantemente a atividade.

Para finalizar, Tobias deixa mais um alerta: “um dos aspectos mais importantes para ter resultado em qualquer atividade física é a regularidade. Não adianta correr 10 km numa semana, quando eles estão concentrados em um dia apenas”.

Por isso, para você desfrutar de todos os benefícios da corrida, é preciso começar do jeito certo, respeitando seus limites, com suporte de um profissional e a prática regular. Correndo um pouco, mais vezes na semana, terá bons resultados e, segundo Tobias, quanto mais regular a pessoa for em sua prática, mais rápidos e maiores serão os benefícios.

Gostou dessa dica? Então, assine a nossa newsletter (aqui do lado)! Assim podemos enviar para o seu e-mail mais temas interessantes como esse.

Carregando...
5623 visualização(ões)

Colaborou para este conteúdo

Tobias Teixeira
Tobias Teixeira

Tobias Teixeira Silva é graduado em Educação Física pela Universidade Estácio de Sá, técnico licenciado pela CBTRI (Confederação Brasileira de Triathlon) e triatleta. Também é diretor técnico pela assessoria esportiva T4 Sports.